Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




SLICE OF LIFE MUITO MAL SERVIDA!

por Neurótika Webb, em 12.06.18

Nana-Poster-Anime-Art-Silk-Posters-Wall-Decor-Prin

Este é basicamente mais um daqueles posts que só meia dúzia de pessoas vão ler, talvez a Isa (e a sua cara metade, que são os únicos por aqui que partilham as minhas dores). 

 

Para quem ainda não percebeu, tenho uns quantos vícios na vida (o único que faz mal à saúde é fumar) outro é anime (sim, são desenhos animados, e depois?!). Tenho uma subscrição de um canal web e uma watch list que tem 3 páginas e que vai crescendo todos os dias, culpa do My Anime List!

 

Como se não bastasse o My Anime List, depois de uma conversa animada com a Isa e o "Gajo da Isa", como ele se auto-intitula, a coisa ainda ficou pior. Deram-me mais umas dicazitas e a dita lista ainda ficou maior! Vi o Shokugeki no Soma de rajada, já estou na nova temporada, semanalmente à espera de novos episódios, juntamente com o Tokyo Ghoul Re:, que me está a enervar, e o Darling in the Franxx, que parece que levei com um balde de água fria depois deste último episódio (ou seja, este plot twist foi um bocadinho meh! e eu que estava a gostar tanto daquilo).

 

Sou uma rapariga que gosta mais de pancadaria e gore (litros e litros de sangue, tipo o 1º episódio do Elfen Lied, fiquei logo apaixonada pela moça a arrancar cabeças a torto e a direito). Mas fiquei um bocadito curiosa como que a Isa disse...essa coisa do Slice of Life, confesso que nunca me tinha dado para aí.

 

Vai daí fui ao My Anime List ver quais os melhores e, pelos comentários, decidi-me pelo Nana. 

 

Foram 47 episódios de ansiedade e depressão pura e dura. Tive flash backs, apeteceu-me gritar, ir pró Facebook à procura do pessoal do meu grupo da faculdade...porque aquilo lembrou-me tudo os meus 20 anos, em versão músicos em vez de artes. Resumindo, sofri que nem uma condenada e tive saudades de toda a gente de quem me separei há 20 anos.

 

Mas adiante. Depois de 47 episódios, que valem a pena nem que seja só pela arte e pela música (da Anna Tsuchiya), eis que levo com o pior final de sempre! Não é mau, é pra lá de mau! Eleva ao expoente máximo a expressão "acabou com a galinha no meio da estrada!" Não sabemos o que aconteceu a uma das personagens principais. Estão apenas 4 no final, todos os outros desaparecem e ficamos com aquela sensação de insatisfação e de partir tudo depois de termos sofrido tanto.

 

Fui desesperadamente para o Google, para ver se a série de Manga tinha acabado da mesma maneira, mas aparentemente a série foi interrompida porque os autores ficaram doentes. Fica-se a saber mais qualquer coisinha, mas toda a gente se queixa do mesmo.

 

A história é mais ou menos esta: duas raparigas encontram-se no comboio bala em direcção a Tokyo, uma vai atrás do namorado e a outra quer seguir uma carreira profissional na música. Coincidência das coincidências, chamam-se as duas Nana, e acabam por partilhar uma casa. Não vou aqui agora estar a resumir a coisa toda, mas a história gira em torno de 2 bandas rivais e a outra Nana que é basicamente uma cabecinha de vento que se apaixona por tudo e por nada e que tem o sonho de casar e se tornar uma dona de casa (não percebo!). Aparentemente, pelos comentários que li, ninguém achou estranha a relação entre a Layla, de 23 anos, e o Shin, de 15 anos (impressão minha ou é pedofilia?), ou o facto de todas as personagens terem uma obsessão doentia pela Nana (a cabecinha de vento, mas que me fez chorar que nem uma madalena, a estúpida!). 

 

Resumindo, são só personagens traumatizadas, andei deprimida uma semana e nem sei como é que não cortei os pulsos. E no fim, levei com um final daqueles que só me apetecia partir o computador...mas não parti porque isto foi caro comó raio!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:13


8 diagnósticos

Imagem de perfil

De Isa a 12.06.2018 às 17:35

Ai ai ai ai Nana é tão bom, tão bom, mas tão booooooom 😍😍😍

É rara a vez que que escrevo sobre anime no meu blog, mas esse teve honras de post (https://www.liwl.net/desaparecida-em-combate-605285)
Imagem de perfil

De Neurótika Webb a 12.06.2018 às 17:54

Ahahahahah....tou a ver que te aconteceu a mesma coisa que a mim. Foi terrível, e com este tempo parvo até fiquei deprimida. Mas só me apetece gritar...quero que aquilo acabe. Estive a ler a manga, mas só os últimos, e mesmo assim não fiquei satisfeita.
E já agora, já viste o Paradise Kiss? (tenho aqui na lista para ver), apesar de agora estar a ver o Akame ga Kill, porque preciso de pancadaria e sangue a ver se me passa a depressão.
Imagem de perfil

De Isa a 12.06.2018 às 18:26

Vi dois ou três episódios de Paradise Kiss mas não pegou 🤨, mas palpita-me que és capaz de gostar, pelo tema. O meu gajo anda a ver Mahou Shoujo Site mas acho demasiado estupido lol
Imagem de perfil

De Neurótika Webb a 12.06.2018 às 18:52

Pois, eu confesso que uma das coisas que é fundamental num anime é a arte...por isso é que não consigo ver o Devilman Crybaby...é demasiado raw. Não gosto. O Paradise Kiss é muito o estilo do Nana em termos de arte. Mas já que és uma expert na matéria, diz aí uns slice of life bons!

Pois...esse que o teu moço está a ver tem uns reviews péssimos no My Anime List...não é que já não esteja habituada às pancadas dos japoneses (desde pedofilia, a violação ou incesto....), mas toda a gente diz que esse é um bocadito fucked up...
Imagem de perfil

De Isa a 21.06.2018 às 13:44

Loll tou muito longe de ser expert na matéria 😅, mas os que vi nos últimos anos (para além de Nana e Shokugeki no Souma) que mais gostei foram: Hanasaku Iroha, Usagi Drop, Ookami Kodomo no Ame to Yuki, Koufuku Graffiti, e Yuru Camp.
Imagem de perfil

De Neurótika Webb a 21.06.2018 às 18:25

Obrigada! Acho que desses todos só tenho o Usagi Drop na minha watchlist, mas vou ver os outros!
O Shokugeki no Souma estou à espera de mais episódios, ver só 1 sabe-me sempre a pouco, e depois já sei como é....acaba a série e vou rever tudo de rajada.
E já deste uma espreitadela no meu blog novo, o Nijikon? (tá ali o link na lateral) É mesmo para falar destas minhas pancadas.
Imagem de perfil

De Violinista a 12.06.2018 às 22:06

Eu conheci tanta gente que me dizia que era bom, e ainda não vi… nem tenho tido muito tempo e paciência para ir procurar os episódios.
Elfen Lied eu já vi. Weird, mas até gostei, apesar de muitos acharem que não vale assim tanto, e a Nyu chega a ser chata pra caramba.

Eu corro o risco de recomendar coisas já vistas, ou pior, animes que depois a pessoa não gosta e ainda fica a achar que sou esquisita, mas:
- Ghost Hunt, pequenino, histórias do paranormal, o episódio do Labirinto de sangue é o melhor, pena não terem continuado;
- a franquia Higurashi/Umineko no Naku Koro Ni, para o gore e cenas complicadas;
- Rozen Maiden, bonecas vitorianas à porrada umas com as outras, não sei se já terminaram o anime ou não;
- Nodame Cantabile para um slice of life com músicos clássicos.
Imagem de perfil

De Neurótika Webb a 13.06.2018 às 13:24

Mas olha que o Nana vale a pena...mesmo! (desde que te prepares psicologicamente para um final meh!)
Um que vale mesmo a pena também, e não é daqueles que eu costumo ver com muito sangue e muita pancadaria, é Kamisama Hajimemashita. É super divertido e a história é o máximo. Tropecei nele por acidente e adorei!
Outro que eu torci o nariz, porque é ecchi!, mas foi um amigo que me aconselhou, é o Shimoneta to iu gainen ga sonzai. É de rir à gargalhada de tão absurdo que é. E está anunciada mais uma season que vai estrear este ano.
Obrigada pelas dicas!

Comentar neurose



Neuroses

Neuroses

Fovias

Manias

Insonias

OS OUTROS BLOGS



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.